Club de Marialva

Mostrando todas as notícias do Clube

61ª Conferência Distrital – Conferência da Inspiração

Nos dias 17 e 18 de maio de 2019, no Mourão Garden, em Campo Mourão, acontece a 61ª Conferência Distrital do 4630, a Conferência da Inspiração. Para participar, é obrigatório realizar a inscrição pelo link: https://rotary4630.org.br/evento/521 No dia do evento será feito SOMENTE O CREDENCIAMENTO dos participantes inscritos, com entrega dos materiais para acesso às palestras e refeições, que deverão ser retirados na Secretaria da Conferência.  “Preparamos com muito carinho este evento em minha cidade, onde esperamos receber os rotarianos e seus familiares em peso, para celebrarmos juntos todas as conquistas deste ano rotário”, afirma o governador Carlos Naves. Os primeiros 500 inscritos que adquirirem o Coquetel de Abertura (sexta), Almoço (sábado) e Jantar de Encerramento (sábado), desde que estejam presentes na Abertura Oficial, Almoço, Plenárias e Jantar-Baile, terão o direito ao ressarcimento do valor de R$ 190,00 por pessoa.  O valor será restituído na conta corrente do Rotary Club do participante. Caberá ao secretário do clube esta solicitação, até o dia 13 de maio , para secretaria@rotary4630.org.br,  informando nome do clube, CNPJ, dados bancários, nomes completos dos participantes referentes ao ressarcimento. A organização do evento incentiva aos participantes que forem restituídos, para que contribuam com esse valor para a Fundação Rotária. As refeições serão vendidas até o dia 06 de maio de 2019. O Representante do Presidente do Rotary International Barry Rassin será Valdemar Lopes Armesto, governador do Distrito 4430 em 2002-03, representante do Distrito 4430 no Conselho de Legislação de 2007, coordenador distrital da Fundação Rotária de 2006-07 a 2008-09, conselheiro distrital de Administração em 2009-10, instrutor distrital 2010-11, conselheiro distrital de Imagem Pública de 2012-13 a 2014-15 e coordenador assistente da Fundação Rotária Zonas 22A e 23A de 2014-15 a 2016-17. As plenárias contarão com o PDRI  Antonio Hallage – Atração e Engajamento, Atuação Conjunto entre Clubes e Distrito; com o coach Clodoaldo Massagli, com governador do Distrito 4.770 Marcos Antonio Franco, além do Secretário do Meio Ambiente do Paraná Marcio Nunes e o governador do estado do Paraná Carlos Roberto Massa Júnior, mais conhecido como Ratinho Júnior.          

Postado em 21 de Março de 2019

Magno Toniolo conta como está sendo sua experiência no GRSP

“Minha experiência na Universidade de West Georgia está sendo muito boa. É a primeira vez que estou fora do Brasil, longe de casa e, apesar de ser uma pessoa desapegada, uma das coisas que preocupam todo mundo é a saudade do que deixamos para trás. Amo o Brasil, minha família, e claro, estou com saudade, mas nunca trocaria essa experiência por estar de volta a minha zona de conforto. Digo isso, não só pelo país. Estados Unidos, a maior potência mundial. Com certeza só por estar dentro dessa nação já é uma coisa boa, mas o que faz a diferença mesmo e te encoraja a continuar e dar o seu melhor são as pessoas. Os rotarianos te recebem de braços abertos, te convidam para fazer mil e uma coisas, anseiam por saber mais sobre o seu país, sua cultura, sua família, sua estadia em um país estrangeiro. Você realmente dá valor às pessoas e percebe que, apesar da língua diferente, comida, costumes, clima, no fundo somos todos iguais. Humanos, que querem viver unidos e em paz. Com certeza está sendo a melhor experiência da minha vida” – Magno Giovanni Gabriel Soria Toniolo. Coordenadora da Subcomissão de Bolsas de Estudos no Distrito 4630, Jussara Perin do Rotary Club de Maringá Parque do Ingá está à frente desta subcomissão desde 2005. Atualmente cinco estudantes estão nos Estados Unidos pelo GRSP – Georgia Rotary Student Program e no total, 21 jovens já participaram do programa. A seleção tem início em junho com a divulgação do edital. Os pré-candidatos aprovados nas inscrições recebem as orientações para documentação e exames de proficiência diretamente com o programa. Esse processo inicial vai até o final de setembro, quando todos enviam os documentos e efetivam as inscrições junto ao GRSP. De outubro a janeiro do ano seguinte, a equipe do GRSP trabalha na escolha e designação de universidades.  “Em fevereiro, acompanhamos a angústia dos candidatos com os resultados do programa. Este processo de chamada dos aprovados pode ir até março. Em seguida, orientamos com o envio de documentação extra para as universidades, certificados de vacinação e emissão de vistos, apresentações culturais e pessoais a serem feitas durante o período de permanência, assim como os detalhes finais antes da partida, como presentes para as famílias hospedeiras, uniforme, apresentação no primeiro conclave com todos os participantes”, explica Jussara.  Em agosto os estudantes embarcam. “Adoro ver a transformação pelas quais muitos passam, o nível de independência que adquirem. Costumo dizer que o processo de seleção deste programa vai se afunilando naturalmente, revelando aqueles que certamente farão grande uso desta experiência maravilhosa e vivência com o Rotary. Ficamos muito felizes com a constatação do amadurecimento como pessoas, seja na escolha de suas profissões, amizades pra toda a vida, novos rumos que possam vir a seguir”.

Postado em 13 de Março de 2019

30 anos: Mulheres que se destacam no Rotary

Em 25 de janeiro de 1989, o Conselho de Legislação do Rotary finalmente aprovava a entrada de mulheres, ou seja, 84 anos depois da fundação do Rotary International.  A resposta à mudança veio tão logo em seguida. Um ano depois, o número de mulheres associadas era mais de 20 mil e já em 2010, o total passava a ser quase 200 mil. No Distrito 4630, são  821 rotarianas. Para representá-las, convidamos duas mulheres que neste ano rotário ocupam a função de presidente do Rotary Club de Campo Mourão Araucária e governadora assistente do Grupo 7, respectivamente as companheiras Janete Leige Lopes e Hebe Andréia Perri Pereira de Godoy.  Janete se aposentou em dezembro passado, com 37 anos de trabalho ao todo, foi professora universitária e pesquisadora por 26 anos na Unespar, Campus de Campo Mourão. Possui Mestrado em Desenvolvimento Regional com ênfase em Teoria Econômica pela Universidade Estadual de Maringá (UEM) e Doutorado em Economia Aplicada pela Universidade de São Paulo, campus de Piracicaba. “Antigamente as pessoas pediam para entrar no clube, hoje eu sinto que existe pouco conhecimento em relação ao Rotary e de forma geral, independente do sexo, falta de interesse das pessoas em entrar na organização. Com certeza foi um avanço a entrada de mulheres, estou há 14 anos no meu clube e esperei sair a minha aposentadoria para assumir a função de presidente e ter mais tempo para me dedicar à função. Ainda que a gente faça Imagem Pública, eu reforço com os meus colegas de que a gente deve fazer com qualidade, priorizando sempre que o projeto apareça e não as pessoas”, pontua a presidente. Segundo Janete, embora o seu clube não seja um dos maiores em total de associados, ela o considera ativo, diversificado e comprometido para alcançar as metas determinadas pelo governador. “Nós fizemos excelentes ações, projeto distrital e estamos caminhando para realizar um projeto global. Não importa se ele será concluído na minha gestão ou na dos próximos, pois quem faz o projeto não é o presidente e sim o clube. A sociedade pede ajuda, queremos fazer a nossa parte, realizamos muitos eventos, promoções e projetos, mas temos que mostrar a nossa cara, visitar pessoalmente os parceiros e aqueles em potencial, explicar que os investimentos retornam em projetos. Quando você vai até uma pessoa ou instituição, o retorno é bem maior, a pessoa pode ter o interesse de não apenas apoiar, mas se juntar a nossa causa e quem sabe, se tornar um associado ou associada”, defende. Multifuncional como a maioria das mulheres, Janete além da carreira universitária é mãe de Regiane, Rodrigo e Renan e tem um casal de netos, Guilherme de 12 anos e Maria Eduarda de 5. Recebeu cinco vezes o Prêmio Paraná de Economia, tanto na categoria Economia Paranaense quanto Economia Pura, juntamente com seus alunos de graduação; duas vezes o Prêmio Brasil de Economia, de melhor artigo científico; premiada pelo BRDE - Banco Regional de Desenvolvimento do Extremo Sul, como melhor artigo científico e juntamente com outros professores pelo melhor artigo científico no Congresso World Academy of Science, Engineering and Technology em Dubai. Hebe é casada há 23 anos com Wilson Pereira, rotariano desde 2002, eles têm um casal de filhos: Thaymi de 22 anos e Wilson Júnior de 17 anos. “Mudamos de Campo Mourão para Iretama em 2012. Nesse mesmo ano fui convidada a ser Coordenadora da Pastoral Familiar na nossa Paróquia Santa Rosa de Lima e permaneço até hoje”, conta. Farmacêutica, ela é proprietária da Farmácia Santa Rosa, EMPRESA CIDADÃ desde 2015, quando Hebe foi a presidente do clube naquele ano. “A nossa Fazenda Monte Cristo também é uma EMPRESA CIDADÃ. Sou rotariana desde 23 de novembro de 2013 no Rotary Club de Iretama. Meu padrinho foi o Alberto Quinto Maldonado (in memorian). Quando fui presidente o clube contava apenas com 15 associados e estava prestes a ser fechado pela desmotivação dos companheiros”, recorda-se. Ela já tinha na bagagem o que vivenciou no Rotary Club de Campo Mourão Gralha Azul, onde seu esposo era associado desde 2002. Como o clube era masculino, as esposas ajudavam a trabalhar nos eventos. “Quando assumi a presidência em Iretama, meu esposo pediu baixa do Campo Mourão Gralha Azul e tornou-se sócio no Rotary Club de Iretama. Estou como Governadora Assistente e assisto os clubes de Iretama, Roncador, Campo Mourão Gralha Azul e Peabiru”, explica. O Rotary Club de Iretama é misto e hoje possui um prato típico. “A 1ª Leitoa da Terra tornou-se realidade no dia 25 de outubro de 2015, dia mais que especial pois era o meu aniversário. Fizemos um almoço para 750 pessoas. Contamos com o apoio dos companheiros dos outros clubes graças ao companheirismo de todos, porque os rotarianos formam uma família de verdade. E no Rotary Day conseguimos mostrar o que o Rotary fazia em nossa cidade e no mundo. Ganhamos assim a credibilidade e a confiança da população iretamense”. Recentemente o clube foi parceiro internacional do Rotary Club de Osorno, no Chile e aguarda a aprovação de mais um Projeto Global onde o Distrito 4355 do Chile será parceiro no projeto de US$ 33.000. “Quando meu marido se tornou rotariano, eu estranhava muito porque a maioria dos clubes eram masculino. Hoje fico muito feliz em ver tantas rotarianas. Ainda há clubes masculinos, mas já mostramos o poder que as mulheres têm. Há clubes só de mulheres e que se destacam no distrito”. De acordo com o Hebe, o seu clube adotou um sistema de eleger presidentes alternados entre masculino e feminino. A companheira Claudia, presidente em 2017-18, será governadora assistente na gestão 2019-20. E a presidente para 2019-20 também será uma mulher: Eugênia. Isso mostra o reconhecimento e o empoderamento das mulheres no Rotary. “Todo rotariano, mulher ou homem, deve ter algum cargo responsável na gestão, pois esse comprometimento faz com que nos aprimoremos e estejamos envolvidos no companheirismo. É preciso entrar em ação para causar mudanças na nossa comunidade e no mundo, pois ser rotariana nos faz pessoas melhores e o melhor de tudo é que fazemos o bem a humanidade”.  Por Larissa Nakao Comunicação Corporativa

Postado em 08 de Março de 2019

21 jovens já participaram das Bolsas da Geórgia pelo Distrito 4630

Coordenadora da Subcomissão de Bolsas de Estudos no Distrito 4630, Jussara Perin do Rotary Club de Maringá Parque do Ingá está à frente desta subcomissão desde 2005. Atualmente cinco estudantes estão nos Estados Unidos pelo GRSP – Georgia Rotary Student Program e no total, 21 jovens já participaram do programa. A seleção tem início em junho com a divulgação do edital. Os pré-candidatos aprovados nas inscrições recebem as orientações para documentação e exames de proficiência diretamente com o programa. Esse processo inicial vai até o final de setembro, quando todos enviam os documentos e efetivam as inscrições junto ao GRSP. De outubro a janeiro do ano seguinte, a equipe do GRSP trabalha na escolha e designação de universidades.  “Em fevereiro, acompanhamos a angústia dos candidatos com os resultados do programa. Este processo de chamada dos aprovados pode ir até março. Em seguida, orientamos com o envio de documentação extra para as universidades, certificados de vacinação e emissão de vistos, apresentações culturais e pessoais a serem feitas durante o período de permanência, assim como os detalhes finais antes da partida, como presentes para as famílias hospedeiras, uniforme, apresentação no primeiro conclave com todos os participantes”, explica Jussara.  Em agosto os estudantes embarcam. “Adoro ver a transformação pelas quais muitos passam, o nível de independência que adquirem. Costumo dizer que o processo de seleção deste programa vai se afunilando naturalmente, revelando aqueles que certamente farão grande uso desta experiência maravilhosa e vivência com o Rotary. Ficamos muito felizes com a constatação do amadurecimento como pessoas, seja na escolha de suas profissões, amizades pra toda a vida, novos rumos que possam vir a seguir”. Depoimento da estudante Vitoria Pagliaci -  (É de Assis Chateaubriand, estuda em Maringá) – “Fiz muitos amigos, todos os dias janto com pessoas de 6 nacionalidades diferentes, o que me ajudou a conhecer muito mais sobre outras culturas. No primeiro semestre cursei matérias de administração e nesse estou cursando mais relacionadas à Engenharia. Em setembro comecei a trabalhar no campus da universidade como Assistente de TI. Desde Agosto vi meu idioma melhorar muito, não só o inglês como também o espanhol, conheci meu namorado, viajei para DisneyWorld, New Orleans, Roswell, Stone Mountain, Young Harris e a cada semana descubro um pedaço diferente de Savannah, cidade que agora é minha casa e eu tanto amo! Meus planos são conhecer Califórnia, Los Angeles, Nova Iorque, Chicago e Nashville, voltarei para o Brasil em junho e após terminar minha graduação, pretendo voltar ao Estados Unidos para fazer mestrado”.  

Postado em 21 de Fevereiro de 2019

42º INSTITUTO ROTARY DO BRASIL, EM BRASÍLIA

Entre 5 e 7 de setembro próximo, Brasília, a capital de todos os brasileiros, receberá as lideranças do movimento rotário. Todas elas acorrerão ao 42º Instituto Rotary do Brasil, importantes eventos do calendário do Rotary, convocado pelo Diretor Eleito Mário César e Coordenado pelo EGD Luiz Gustavo Kuster Prado. O Instituto Rotary, recordando, permite que atuais, anteriores e futuros administradores de nossa Organização atualizem-se em relação às normas e programas do Rotary e da Fundação Rotária, mesclando informações e amadurecendo ideias que muitas vezes resultam em sugestões ao Conselho Diretor. Evento importantíssimo ao qual nenhum administrador do Rotary deve ficar ausente, é, também, a oportunidade ideal para reencontrar os bons companheiros, fazer novas amizades e praticar o companheirismo, um dos valores do Rotary. A concentração de todo o evento em um mesmo local – no Royal Tulip Brasília Alvorada -  dará ênfase a esse aspecto. Faça sua inscrição no site https://www.institutorotarybrasil.org.br/index.html.  Aí também você pode encontrar o seu hotel - ou Royal Tulip ou Golden Tulip, ambos excelentes - desfrutando dos preços especiais oferecidos a você, participante do 42º Instituto Rotary do Brasil. Atente que essa oferta, válida somente até 31 de março próximo.

Postado em 20 de Fevereiro de 2019

Empresas de Umuarama aderem ao Programa Empresa Cidadã

Por um tempo, praticar a Responsabilidade Social era visto como uma estratégia por parte das empresas para melhorar sua imagem institucional perante os clientes. O fato é que se antes este investimento poderia ser confundido como marketing, hoje as empresas têm dado uma grande atenção no impacto de seus negócios na sociedade e portanto, as principais marcas criaram até novos departamentos, que cuidam especificamente de projetos e apoios para amenizar os problemas sociais e ambientais. A ALPES COMBUSTÍVEIS tornou-se Empresa Cidadã do Rotary Club de Umuarama e segundo o diretor Petterson Rezende, 38 anos, esta é a primeira iniciativa da distribuidora de combustíveis em Responsabilidade Social. A empresa tem três anos de mercado e atua nos estados do Paraná, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul. “Já conhecia o Rotary e achei o programa viável e interessante. É uma forma de retribuição que damos à comunidade pelas nossas conquistas. Claro que os clientes enxergarão com bons olhos a nossa iniciativa, mas a nossa parceria tem o objetivo de poder melhorar a qualidade de vida de outras pessoas”, atesta Petterson.  A EXCLUSIVA ELEVADORES também apoia pela primeira vez uma ação voltada ao lado social. Segundo o empresário Oséias Moreira, 38 anos, a empresa de Umuarama tem três anos de fundação e  começou após uma vasta experiência adquirida pelos sócios trabalhando na área de elevadores. Possuem 05 colaboradores e atendem os estados do Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso e São Paulo. Trabalham com fabricação, instalação e manutenção de elevadores de passageiros. “Tive o prazer de conhecer o Rotary através do presidente Rodrigo Pitioti. Como sabemos que o Rotary é uma organização admirada por todos, decidimos associar nossa empresa à marca”, explica Oséias. Com 22 anos de história, a NUTRIRAMA trabalha com a fabricação de Sal Mineral, vitaminas e aditivos, com foco em nutrição animal. O diretor da empresa, Nestor Lorca Garnés, 63 anos, conta que as atividades começaram em 1997, na Av. Ângelo Moreira da Fonseca, com apenas 1 funcionário juntamente com ele, sua esposa e filhos. “Passamos por muitas dificuldades no início, mas com a graça de Deus e muito trabalho hoje atuamos em 13 estados e contamos com a colaboração de 14 funcionários internos na empresa e mais 13 representantes externos, além de 37 representantes autônomos”, detalha. A empresa tem em sua trajetória outras ações sociais de apoio, como para a APAE, Uopeccan e igrejas locais. “Conhecia o Rotary de ouvir falar, pois já participei de vários eventos da organização e temos clientes e amigos que são rotarianos, mas através do Fábio e outros amigos que comecei a contribuir com o programa Empresa Cidadã. Quando recebi o convite não tive a intenção de me expor, mas tenho certeza que contribuirá muito para a empresa, pois o Rotary é uma instituição mundialmente respeitada”, afirma Nestor. Programa Empresa Cidadã – O Distrito 4630 fechou em dezembro passado com 284 Empresas parceiras, desde pequenas, médias a de grande porte. Graças ao sucesso dos nosso projetos, que inclusive, podem ser vistos mensalmente no informativo Comunicado Mensal, a cada ano conquistamos a confiança de mais empresários. Retorno – Além de contribuir com as causas humanitárias do Rotary, que promove a realização de projetos que sejam duradouros e sustentáveis ao longo do tempo, a empresa recebe um Certificado da ABTRF (Associação Brasileira da The Rotary Foundation) ao completar a contribuição anual, um selo eletrônico que pode ser utilizado nas assinaturas dos e-mails e site, sua marca também será exposta em um banner nos locais/eventos do clube parceiro e seu logotipo divulgado em todas as edições do informativo mensal da governadoria. “O principal objetivo das Empresas Cidadãs é fortalecer os objetivos rotários e a responsabilidade social, levando melhorias constantes para as comunidades, através de projetos consistentes, que tenham continuidade após a entrega feita pelos rotarianos. Esperamos que ao visitar o projeto, por exemplo, daqui a 10 anos, ele esteja em pleno funcionamento”, afirma o presidente da Comissão da Fundação Rotária, governador 2015-16 Renato Tavares. Por Larissa Nakao Comunicação Corporativa

Postado em 14 de Fevereiro de 2019

Reuniões Sábado | 18:00
Avenida Cristóvão Colombo,833